.


Image and video hosting by TinyPic

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Tribunal de apelações nega pedido de Trump para restaurar veto a imigrantes




Um tribunal de apelações dos EUA rejeitou na manhã deste domingo, 5, o pedido do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de restaurar imediatamente um decreto anti-imigração, que proibi a entrada de refugiados e imigrantes de sete países de maioria muçulmana. O decreto presidencial foi bloqueado na manhã de sábado por ordem do juiz federal de Seattle, James Robart. À noite o governo protocolou, por meio do Departamento de Justiça, um pedido de anulação da decisão judicial em uma corte federal de apelações.
O 9º Tribunal de Apelações, em San Francisco, pediu ao estado de Washington e ao governo Trump, no início deste domingo (5), que apresentem mais argumentos sobre o caso nesta segunda-feira (6) à tarde.
A ordem executiva de Trump, em vigor há uma semana, impede a entrada dos cidadãos do Irã, Iraque, Líbia, Somália, Sudão, Síria e Iêmen durante 90 dias, e bloqueia o programa de acolhida de refugiados durante 120 dias, e de forma indefinida no caso dos sírios.
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário