.


segunda-feira, 17 de julho de 2017

Artista fica nu em apresentação e é preso em Brasília


http://varelanoticias.com.br/artista-fica-nu-em-apresentacao-e-e-preso-em-brasilia-veja-video/



Um artista foi preso por “ato obsceno” após ficar nu durante uma performance em frente ao Museu Nacional da República, em Brasília, no último sábado (15). A mostra teatral era promovida pelo Sesc e a peça “DNA de DAN”, do artista Maikon Kempinski, não foi bem recebida por algumas pessoas que passavam pelo local.

Durante a peça, o artista fica dentro de uma bolha plástica enquanto uma substância fica sobre seu corpo, com o intuito de formar uma “segunda pele”. Algumas pessoas não gostaram muito da ação e resolveram chamar a Polícia Militar, alegando que “havia um homem nu” em frente ao Museu.



Em seu perfil do Facebook, o artista alegou que foi agredido pelos policiais e teve a bolha usada na peça destruída. “Fui agredido por policiais e detido por ato obsceno. (…) Os policiais chutaram e rasgaram nossa instalação de plástico, e tentaram entrar nela para me tirar à força. Um dos policiais entrou levantando a mão na intenção de me dar um soco”, desabafou o artista.
O Sesc-DF se manifestou e repudiou a ação da PM, alegando que a apresentação ocorreu mediante autorização do Museu. “O Sesc-DF ressalta que a instituição tinha a autorização do Museu Nacional da República, validada pelo diretor Wagner Barja, para realização da performance e tomou o devido cuidado de informar que se tratava de um espetáculo com classificação indicativa de 16 anos, que ocorreria no período noturno”, disse a assessoria por meio de nota.

vn

Nenhum comentário:

Postar um comentário