.


Image and video hosting by TinyPic

segunda-feira, 6 de março de 2017

Quase 98% de juízes baianos recebem acima do teto constitucional, denuncia Sintaj


Quase 98% de juízes baianos recebem acima do teto constitucional, denuncia Sintaj


A média salarial dos magistrados do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), durante sete meses do ano de 2016, ficou acima do teto constitucional, de R$ 33.763. Em janeiro, a média salarial foi de R$ 83.975,02; em julho foi de R$ 21,3 mil; em agosto, R$ 34,8 mil e dezembro, R$ 51,7 mil. A denúncia foi feito pelo Sindicato dos Servidores dos Serviços Auxiliares do Poder Judiciário (Sintaj), que lançou o aplicativo Transparência Plus, nesta segunda-feira (6). Segundo o levantamento do sindicato, de 603 magistrados, 590 recebem acima do teto constitucional, o que corresponde a 97,87%.  A ferramenta traz todos os dados oferecidos pela transparência do TJ-BA de maneira detalhada e de fácil entendimento para que qualquer cidadão tenha verdadeiro acesso aos gastos do TJ-BA. O Transparência Plus pode ser acessado aqui. A ferramenta lançada pelo Sintaj disponibiliza a folha dos servidores e dos magistrados, os salários que estão acima do teto, valor das diárias de viagem paga a magistrados, servidores e cargos comissionados, média salarial, dentre vários outros dados de pessoal do TJ-BA.

BN

Nenhum comentário:

Postar um comentário