.


Image and video hosting by TinyPic


Image and video hosting by TinyPic

sábado, 27 de maio de 2017

Acordão pode livrar Temer e Lula do juiz Sérgio Moro, diz jornal

Michel Temer

 Parlamentares em Brasília estão planejando um acordão para “anistiar” parte do mundo político por meio de uma eventual eleição presidencial indireta, segundo reportagem de bastidores do jornal Estado de S. Paulo publicada neste sábado (27).


O texto assinado por Alberto Bombig afirma que o acordão incluiría a saída do presidente Michel Temer, garantindo-lhe imunidade penal a ser conferida pelo novo presidente, além da votação da PEC que prevê foro privilegiado para ex-presidentes, livrando Temer e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva das “garras” do juiz federal Sérgio Moro.
Ainda segundo a reportagem, o novo presidente (escolhido por eleições indiretas) convocaria uma nova Constituinte, e para acalmar os mercados, sancionaria uma reforma mínima da Previdência. Por sua vez, a Constituinte promoveria um novo modelo político, permitindo eleições e mandatos a promotores e procuradores da Justiça, como ocorre nos Estados Unidos, e em paralelo, seriam realizadas as eleições diretas para a Presidência da República.

Nenhum comentário:

Postar um comentário