.


Image and video hosting by TinyPic

sábado, 14 de janeiro de 2017

Criança desaparece após ser jogada à força em represa proibida para banho

Criança desaparece após ser jogada à força em represa proibida para banho
Um homem de 34 anos foi detido suspeito de jogar à força e afogar uma criança de 6 anos de idade na Represa II, de Vinhedo (SP), na tarde deste sábado (14). O garoto estava com a mãe no local de lazer, onde o banho é proibido. Até as 16h30, os bombeiros e a Defesa Civil seguiam nas buscas pelo menino, que continua desaparecido no local do crime. Segundo a Polícia Civil, a criança e a mãe estavam sentadas na beira da represa, quando foram surpreendidas pelo rapaz, que perguntou, primeiro, se a mãe sabia nadar. De acordo com a polícia, após a mãe responder que "sim", ele perguntou sobre o menino. Diante da negativa da mãe, que afirmou que o garoto não sabia nadar, o suspeito teria jogado o menino na água. A polícia e a Guarda Municipal foram acionadas e o homem de 34 anos foi detido. A Polícia Civil aguarda o fim das buscas para registrar o boletim de ocorrência de acordo com o desfecho. A Prefeitura de Vinhedo informou por meio da assessoria de imprensa que a represa não é adaptada para banho e sempre conta com a vistoria da Guarda Municipal.
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário