.


Image and video hosting by TinyPic

Image and video hosting by TinyPic

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Executivos da Odebrecht confirmam compra de imóvel para nova sede do Instituto Lula


(Foto: Reprodução)


O ex-presidente Marcelo Odebrecht e outros dois executivos do Grupo Odebrecht confirmaram em delação premiada que a empresa comprou, em 2010, um imóvel que seria destinado à construção da nova sede do Instituto Lula, segundo publicação do jornal ‘Folha de São Paulo’. 

Ainda de acordo com a publicação, a aquisição do imóvel em São Paulo é o ponto central da denúncia em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
Junto com Marcelo, o ex-diretor de relações institucionais, Alexandrino Alencar; e o ex-diretor-superintendente da Odebrecht Realizações Imobiliárias, Paulo Melo, afirmaram que o imóvel, no papel, foi adquirido pela DAG Construtora, mas pago pela Odebrecht, ressalta o texto.

O periódico também relata que a ideia da construtora, segundo os delatores, era realizar a compra do imóvel para que outras empresas ajudassem a erguer o prédio. O problema teria sido a reprovação do local por Lula e a ex-primeira-dama Marisa Letícia durante uma visita. Na sequência, Marcelo Odebrecht determinou a procura por novos lugares e o projeto acabou não seguindo em frente.

R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário