.

BANNER INTERIOR 728X90 01 DINAMICO ANIM
Papai Noel 'verdadeiro' mora no Polo Norte e é fã do futebol brasileiro

Papai Noel vive em Rovaniemi cercado de ajudantes (Foto: Divulgação/Santa Claus Village)


Enquanto milhões de crianças brasileiras aguardam o dia 25 de dezembro para celebrar o Natal e ganhar presentes do Papai Noel, um homem, a cerca de 12 mil km de distância, mais precisamente no Polo Norte, trabalha 365 dias por ano respondendo cartas e fabricando presentes para crianças de várias partes do mundo. O homem que povoa a mente das crianças, cercado por renas, trenós e duendes, em um cenário repleto de neve, realmente existe. O "verdadeiro" Papai Noel mora em Rovaniemi, no norte da Finlândia.

Com uma enorme barba branca, olhos azuis e uma roupa simples se comparada aos personagens que ocupam o "cargo" nos shoppings brasileiros, o Papai Noel finlandês chegou até a arriscar algumas palavras, confundindo, às vezes, o português com o espanhol. Além da rotina de receber os convidados de outras partes do mundo, Papai Noel tem a função de responder cartas para as crianças e ser uma das principais atrações turísticas do país europeu.

Apesar de não conhecer muitas coisas sobre o Brasil, Papai Noel gosta de mostrar que não entende apenas de renas e trenós. Apaixonado por hóquei no gelo, paixão nacional de todos os finlandeses, ele procura mostrar que também sabe um pouco sobre futebol. Assim que soube que o G1 vinha do Brasil, ele brincou e mostrou conhecer o nome de alguns jogadores de futebol que fizeram sucesso no país. "O Pelé é melhor que o Messi? Do Brasil conheço bastante o Romário. Admiro o futebol brasileiro. Já ouvi algumas coisas sobre o menino Neymar, mas não muito. Na Finlândia nós acompanhamos o futebol, mas preferimos muito mais o hóquei no gelo. É a paixão nacional", disse.

Após o bate-papo, devidamente fotografado e filmado pelos ajudantes, o intérprete permanente do Papai Noel faz questão de reverenciar os visitantes e agradecer pela conversa. Como dezenas de pessoas fazem fila para conversar com ele, o contato é bastante limitado. Além disso, nenhuma pessoa pode tirar fotos ao lado dele. Assim como no Brasil, o Papai Noel finlandês aproveita a "fama" para ganhar alguns (muitos) trocados dos turistas que visitam o local.
Segundo ele, milhares de crianças visitam anualmente o local para conhecer o homem que é considerado o símbolo do Natal em toda a Europa. "Estou aqui há mais de 50 anos. Nós recebemos muitas cartas de crianças brasileiras pelo correio. O Brasil fica muito longe daqui, mas, muitas vezes, recebemos visitas dos brasileiros. Outro dia recebi uma visita de alguém da América do Sul que exaltou o futebol brasileiro. As pessoas me falam que o Brasil tem a melhor seleção do continente. O Brasil é um país maravilhoso", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário